Utilização de Standards GS1 em Ensaios Clínicos: circuito específico ou circuito hospitalar normal?

Os desafios inerentes à utilização de standards GS1 em ensaios clínicos foram tema de uma Mesa Redonda realizada no âmbito do GS1 Industry & Standards Event, neste mês de setembro.

Nesta sessão foram discutidos os problemas identificados na implementação de standards GS1 em ensaios clínicos, as barreiras à comunicação entre as farmacêuticas e os hospitais envolvidos nos ensaios clínicos, bem como os mecanismos de segurança necessários à distribuição dos medicamentos utilizados ensaios clínicos em ambiente hospitalar. Nesta Mesa Redonda foi debatido se devem ser tratados como qualquer medicamento adquirido e distribuído pelo hospital, fazendo o seu percurso normal pela cadeia de abastecimento, ou se deve ser criado um circuito específico de acesso direto ao responsável pelo ensaio clínico no hospital. As vantagens e desvantagens das duas abordagens foram ponderadas, a constatação de que a opção por uma ou outra depende por vezes das circunstâncias do ensaio clínico ou do hospital onde é desenvolvido. Em qualquer dos casos, foi dado destaque à salvaguarda de segurança e rastreabilidade que a adoção de standards GS1 oferece.