Sim. Em cada país existe apenas uma organização autorizada e habilitada para atribuir esta identificação. No caso português somos nós.